top of page

Dólar fecha em alta e vai a R$ 3,20 com cautela antes de anúncio de meta fiscal


Moeda dos EUA avançou 0,88%, vendida a R$ 3,202, na maior cotação em 1 mês.


O dólar fechou em alta em relação ao real nesta segunda-feira (14), voltando ao patamar de R$ 3,20, com os investidores assumindo posições mais defensivas diante da perspectiva de anúncio do governo federal de maiores metas fiscais para 2017 e 2018.


A moeda norte-americana avançou 0,88%, vendida a R$ 3,202. Veja a cotação hoje


Trata-se da maior cotação de fechamento desde 13 de julho (R$ 3,2082). Na máxima da sessão desta segunda, a moeda chegou a R$ 3,2065.


"Esse aumento do déficit (primário) tira um pouco da credibilidade da equipe econômica", afirmou à Reuters o operador da Advanced Corretora, Alessandro Faganello.


Revisão da meta fiscal

O governo deve anunciar meta de déficit primário de R$ 159 bilhões de reais para 2017 e 2018, segundo apurou o G1 com a área econômica.


O anúncio, que era aguardado para esta segunda-feira, deve ser adiado mais uma vez.


O governo quer assegurar que não haverá necessidade de revisão dos números depois de divulgados.


No mercado, havia temores de que o Brasil possa ser rebaixado mais uma vez pelas agências de classificação de risco por conta da situação fiscal, o que tenderia a espantar investidores estrangeiros.


Para o diretor da agência de classificação de risco Fitch no Brasil, Rafael Guedes, no entanto, a piora na meta de déficit fiscal isoladamente não deve ser suficiente para uma mudança no rating soberano do país.

Em Destaque
Publicações Recentes
Arquivo
Pesquisar por Tags
Nenhum tag.

EG News

Assine nossa Newsletter e fique sempres atualizado.

bottom of page